Diário de um melasma.

Olá pessoal, hoje começa a série diário de um melasma. Mas melasma escreve Raquel? Olha, o meu até fala!!! rsrsrs

Quem tem manchas na pele sabe o quanto é ruim lidar com elas, teve uma época que nem maquiagem escondia as minhas. E no calor? Você passa corretivo e basta uma “suadinha” para a bonita voltar a aparecer. São 4 anos de tratamento contra as manchas na pele. Faço durante o outono-inverno, dou uma pausa, e no verão, por mais que eu me proteja, elas sempre voltam.

Vamos entender um pouco mais sobre o assunto?

Assista o vídeo e leia o post para tirar suas dúvidas!

O que é o melasma?

O melasma é uma mancha de pele escura que aparece em áreas do rosto expostas ao sol.

Causas

O melasma é um distúrbio de pele muito comum. É mais comum em mulheres jovens com tom de pele amarronzado, mas pode afetar qualquer um.

Frequentemente, o melasma é associado aos hormônios femininos estrógeno e progesterona. É mais comum em:

  • Mulheres grávidas
  • Mulheres que utilizam pílulas anticoncepcionais (contraceptivos orais)
  • Mulheres que realizam terapia de reposição hormonal durante a menopausa.

É mais provável desenvolver melasma ficando ao sol. O problema é mais comum em climas tropicais.

Exame

O seu médico examinará a sua pele para diagnosticar o problema. Um exame mais aproximado utilizando a lâmpada de Wood pode ajudar a orientar o tratamento.

Sintomas

O único sintoma do melasma é a alteração da coloração da pele. Entretanto, isso pode causar desconfortos com relação à aparência da pessoa.

As mudanças na coloração da pele são, com frequência, para uma cor marrom uniforme. Costumam aparecer nas bochechas, testa, nariz e lábio superior. Normalmente, manchas escuras são simétricas (semelhantes em ambos os lados do rosto).

Tratamento

O tratamento pode incluir:

  • Cremes contento uma combinação de tretinoína, hidroquinona, ácido kójico e ácido azelaico tem mostrado melhoras na aparência do melasma.
  • Peelings ou cremes esteroides tópicos
  • Tratamentos a laser pode ser utilizados para remover pigmentos escuros se o problema for grave.
  • Interromper medicamentos hormonais que podem estar causando o problema

A razão desta série é contar minha experiência com o melasma e os tratamentos. Consulte um dermatologista para avaliar sua pele. O uso de medicamentos sem prescrição médica pode acarretar danos a sua saúde.

Agora vamos falar sobre o meu tratamento. Assim que as manchas começaram a me incomodar procurei uma dermatologista que me recomendou o uso do Triderm. Clareou todas as manchas, porém minha pele ficou vermelha e muito sensível. Usei no meado de 2013 e no verão desse ano mesmo usando filtro solar e sem me expor ao sol, as manchas voltaram. Conversando com uma amiga ela me falou do Vitanol – a, um medicamento a base de Tretinoína, por conter um dos componentes do Triderm, eu comprei sem ir na minha dermato.

Custou R$ 28,00 e em algumas farmácias só vendem com receita.

VITANOL-A NOVA

Assim estava minha pele ao começar o tratamento com o Vitanol – A

vt1

Eu sei, você vai falar: mas que mancha?? Acredite, elas são mais escuras do que parecem, a iluminação não ajudou muito.

Estou usando o Vitanol toda noite antes de deitar, e pela manhã lavo o rosto com sabonete neutro e passo meu filtro solar fator 30. Minha pele no primeiro dia de uso já ficou diferente, mais clara e bonita.

A quantidade a ser usada é o equivalente ao tamanho de uma ervilha para todo o rosto, usar demais só vai prejudicar sua pele e ainda pode fazer efeito contrário!

Aplico na pele seca e limpa, em todo o rosto, evitando a região dos olhos, porém passo ao redor, nos “pés de galinha”. Comecei com a dosagem de 0,25, para a pele ir adaptando. Comprei o vitanol creme, pois minha pele é seca e sensível.

Retinóides vêm em diferentes percentagens, a partir de 0.01 (a mais fraca), seguida de 0,025,  0,05 e, finalmente, 0.1 (a mais forte). Você pode pensar que a partir de maior terá resultados mais rápidos, mas pode realmente ser uma receita para o desastre e fazer você querer abandonar o navio. 

Nunca use ácidos durante o dia, isso pode causar queimaduras na pele. O uso do vitanol é indicado para o rosto. Procure usar produtos indicados para peles sensíveis e livres de álcool.

Quando sinto que minha pele está muito sensível, alterno os dias de uso e passo um hidratante específico, o da clinique é excelente.

Bom, por hoje é isso, o post ficou longo pelas inúmeras informações, os próximos ficarão menores.

E você, também sofre da “síndrome dálmata”?

Hidratação em casa!

Olá amores, hoje é sexta, dia de dar aquela geral no visual!

Pensando nisso, separei essa super dica caseira para os cabelos.Serve para todos os tipos de cabelo.

Separe alguns minutinhos para cuidar de você, faça as unhas, depilação, uma bela maquiagem e aproveite!

Como fiz luzes no cabelo preciso hidratar toda semana, e nem sempre posso comprar cremes caros e de marca famosa, então, faço minhas mirabolantes receitas em casa e o resultado é incrível!

Anote aí:

Ingredientes:

1/2 copo de iogurte natural

1 colher (sopa) de mel puro

1 colher (sopa) de azeite de oliva extra virgem

2 colheres do creme de massagem de sua preferência para cabelos secos

Modo de Fazer

Misture todos os ingredientes em um recepiente plástico, em seguida lave os cabelos com o shampoo específico para o seu tipo de cabelo, depois remova o excesso da água com a toalha. Aplique a misture em todo o cabelo deixe agir durante 40 minutos depois enxague com água morna. Faça essa hidratação uma vez na semana.

Gostaram?

Beijinhos

reflexos no cabelo antes e depois 6